Notícias 30/11/2018 - 14:07 - Ascom/Secad

Projetos vencedores do I Prêmio Eudoro Pedroza

1º lugar Categoria Gestão 1º lugar Categoria Gestão - Angélica Lima/Governo do Tocantins
2° lugar da Categoria Gestão 2° lugar da Categoria Gestão - Angélica Lima/Governo do Tocantins
3° lugar da Categoria Gestão 3° lugar da Categoria Gestão - Angélica Lima/Governo do Tocantins
1° lugar da Categoria Políticas Públicas 1° lugar da Categoria Políticas Públicas - Angélica Lima/Governo do Tocantins
2° lugar da Categoria Políticas Públicas 2° lugar da Categoria Políticas Públicas - Angélica Lima/Governo do Tocantins
3° lugar da Categorias Políticas Públicas 3° lugar da Categorias Políticas Públicas - Angélica Lima/Governo do Tocantins

Conheça um pouco mais dos projetos vencedores do I Prêmio Eudoro Pedroza que foram premiados na manhã desta quinta-feira, 29:

CATEGORIA GESTÃO

1º lugar  - Cleone Gomes Soares – Secretaria da Fazenda

PROJETO: Criação do Índice de eficiência da arrecadação de Receitas Tributárias do Estado do Tocantins

OBJETIVO: Criar um índice para mensurar qual o nível real da eficiência da arrecadação tributária do Estado do Tocantins a partir de indicadores qualitativos relacionados aos custos com pessoal, manutenção da estrutura física e investimentos sociais realizados com recursos advindos do ICMS, dentre outros fatores pertinentes, observados nos anos pretéritos e que permitam fazer uma comparação qualitativa com os níveis alcançados pelos demais estados da federação.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

- Subsidiar políticas públicas voltadas para o aperfeiçoamento da administração tributária, principalmente quanto às ações de reconhecimento e valorização dos servidores que demonstrem efetivamente o cumprimento de metas de desempenho individuais que contribuem para o aumento na eficiência da arrecadação;

- Definir metas de resultados qualitativas, que sejam facilmente compreendidas pelos gestores e que auxiliem na condução da gestão com a construção de cenários e no aperfeiçoamento das decisões para o alcance de maiores níveis de eficiência.

 

2º lugar - Layse Evangelista Vilanova Pinheiro; Caroline Pires Coriolano; Elizete Ferreira de Santana; Nadja Marina Gomes da Costa; Rangel Gomes de Moraes Araújo – Secretaria da Administração

PROJETO: Gestão da evolução funcional dos servidores públicos do Governo do Estado do Tocantins – Melhorias e automação do processo

OBJETIVO: Reformular a operacionalização do atual processo de evolução funcional dos servidores públicos do Estado do Tocantins e automatizá-lo por meio do desenvolvimento e implantação do SIGEF

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

- Automatizar o processo de concessão das Progressões;

- Diminuir a demanda da Gerência responsável pelas evoluções funcionais;

- Economizar materiais de uso, consumo e insumo;

- Disponibilizar informações em tempo real para todos envolvidos no processo.

 

3º lugar- Helenilva Custódio de Melo; Aldo Taveira da Silva; Francisca das Chagas Lima Pires; Yara Karla de Salles Nemet; Valcione Quintino da Silva – Secretaria da Saúde

PROJETO: Implementação de estratégias de divulgação do aplicativo HEMOTO móbile para captação e fidelização de doadores de sangue

OBJETIVO: Implementar estratégia de divulgação do sistema de informação, Hemoto Mobile, para aumento da captação de sangue e fidelização de doadores voluntários e regulares.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

- Realizar ações educativas para os servidores do Hemocentro Coordenador de Palmas quanto à importância e uso do sistema de informação e aplicativo;

- Divulgar o aplicativo como estratégia de fidelização dos doadores;

- Sensibilizar os doadores quanto à relevância do uso do aplicativo.

 

CATEGORIA POLÍTICAS PÚBICAS

1º lugar - Geovane Rossone Reis - Secretaria da Saúde

PROJETO: O aumento na disponibilidade dos leitos de UTI e de seus indicadores através do incentivo à produtividade

OBJETIVO: Promover a motivação para o desenvolvimento de melhores indicadores de qualidade nas unidades de terapia intensiva, reduzindo os índices de infecção hospitalar, o tempo de permanência e a taxa de mortalidade, através de uma política pública de incentivo à produtividade onde os servidores públicos, lotados nestas unidades, poderão receber acréscimos em suas remunerações com base na redução dos indicadores supracitados.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

- Reduzir a incidência de infecção adquirida na UTI’s;

- Reduzir o tempo de permanência hospitalar dos pacientes;

- Reduzir os custos relacionados à infecção e a permanência prolongada.

 

2º lugar - Francisco Dhant Barroso Azevedo - Secretaria da Saúde

Projeto: Implantação da cadeia de custódia no Tocantins: humanizando o atendimento às pessoas em situação de violência                    

OBJETIVO: Qualificar e ampliar o atendimento às pessoas em situação de violência, através da implementação da cadeia de custódia nos 18 hospitais de referência do Estado.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

- Qualificar e habilitar profissionais médicos dos 18 hospitais de referência do Tocantins, constantes em todas as regiões administrativas de saúde, por meio de um Curso de Coleta de Vestígios de pessoas em situação de violência sob a responsabilidade da Secretaria Estadual de Segurança Pública – SSP/TO – Instituto Médico Legal.

 

3º lugar - Guilherme Nogueira Paiva Barreto - Ruraltins

PROJETO: Viva Araguaia

OBJETIVO: Promover a recuperação de áreas degradadas de nascentes e Matas Ciliares localizadas nas áreas rurais sejam públicas ou privadas que se localizam as margens do Rio Araguaia, nos municípios de Araguatins, Xambioá, Couto Magalhães, Araguanã, Araguacema, Arapoema e Pau D’arco.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

- Recuperar a vegetação e as funções ecológicas das áreas de nascentes e Matas ciliares das áreas rurais que aceitem participar do projeto.